O que é ter sucesso?

Em 27.08.2016   Arquivado em Crônicas, Off topic, Por aí

Ter uma boa posição no mercado de trabalho? Ter o carro do ano? Uma casa de dar inveja? Ser poliglota? Viajar o mundo? Conhecer muita gente? Ser um bom pai/uma boa mãe? Casar com o amor da sua vida?

Existem 7 bilhões de pessoas no mundo. Isso significa que são 7 bilhões de respostas diferentes. 7 bilhões (ou mais) de sonhos por aí.

São tantas vidas, tantos lugares que influenciam e refletem na nossa história… É tanta coisa acontecendo na roda da vida que muitas vezes acabamos nos perdendo no caminho. Saímos fora da rota (isso quando e se temos uma rota, né).

Na maioria das vezes achamos que temos tudo sobre controle. Um plano perfeito e infalível que simplesmente não tem como dar errado. Afinal de contas perdemos um tempo arquitetando-o em nossa mente. Muitas pessoas até externam e colocam tudo no papel – dizem que fazê-lo torna o plano/sonho (ou do que quer que chamemos isso) mais consistente, mais “possível”. – Na teoria tudo é lindo, né?

O problema é quando algo sai fora daquilo que era esperado. Mas vale ressaltar que não estamos falando de um acidente de percurso – estes existem apenas para tornar a aventura um pouco mais emocionante e gratificante. – Estamos falando de quando o nosso sonho, a nossa ideia, o nosso plano…! Simplesmente perde o sentido.

Sentiu o peso da frase em negrito? Se fosse um filme ou um livro diríamos que é o ápice da história. O momento de tensão que geralmente explica todos os acontecimentos e que ao final (na grande maioria das vezes), tudo se resolve. Mas acontece que não é um filme. Não é um livro. É a nossa vida. E as coisas não se resolvem simplesmente. E enquanto continuamos na batalha interna entre nós e nós mesmos, o mundo continua a girar e as pessoas correndo atrás do chamado “seu”.

Sentamos na plateia e assistimos essas pessoas conseguirem chegar onde querem enquanto ficamos para trás tentando entender a moral da história e tentando descobrir o que fazer pra chegar lá (seja lá onde esse nosso “Lá” esteja). Pensando no quanto essas pessoas são tão melhores. Porque a grama do vizinho é sempre mais verde.

Perdemos tanto tempo tentando responder a si mesmos “o que é ter sucesso” que esquecemos a pergunta que verdadeiramente importa: o que faz você feliz?

Ser adulto não é difícil. Difícil é nos encontrarmos. Difícil é sermos nós mesmos. Difícil é acharmos o nosso lugar ao sol. Difícil é sabermos qual dos mais de 7 bilhões sonhos é o nosso correndo perdido pelo mundão afora. Difícil é descobrirmos a que viemos. Difícil é ser feliz. E ter sucesso (?). Difícil é…………

O Fantástico Mundo das Fanfics

Em 17.03.2015   Arquivado em Inspiração

 

blog1

Quem já não teve vontade de mudar o final daquele livro? Ou shippar um casal que o autor original fez o favor de não compartilhar do mesmo gosto que o seu (sad but true)? Quem não quis que aquela história não acabasse nunca? Porque isso SEMPRE acontece comigo.

Por isso, hoje eu resolvi desvendar o misterioso, mas incrível, mundo das Fanfics! “Fan o quê?!”.

Caaalma, que você já vai entender (e se apaixonar)!

Fanfic vem do termo em inglês fanfiction, que traduzido significa “ficção criada por fãs”. Para os íntimos, o negócio é fic.

A palavra serve para classificar romances e contos escritos por outras pessoas que são fãs de alguma série, livro, banda ou anime, mas que não são os autores originais da obra em questão.

E pra quem acha que isso é coisa de nerd, está muitíssimo enganado. Esse “estilo literário” já é mundialmente conhecido e acessado todos os dias por milhares de pessoas. “Peraí… Como assim ‘acessados’?”. As fanfics ficaram tão famosas que possuem seus próprios sites na internet!

E ah! Uma coisa que é importante saber… Porque aposto que está lendo tudo isso e pensando “Isso não é plágio, Natália?”. Não, não é! Mesmo que haja direitos autorais, de modo geral, considera-se que escrever uma fanfic não é uma violação de propriedade intelectual, DESDE QUE a obra não seja comercializada e nem vise lucro. Mas para não correr nenhum risco, a maioria dos “ficwriters” acrescenta logo no início do texto uma pequena nota declarando quem realmente é o detentor dos direitos autorais e que a história não pretende obter qualquer forma de ganho financeiro.

 

Classificações

Atualmente há uma mistura muito grande de gêneros quando se trata de livros e filmes. E com as fanfics isso é mais frequente ainda. Até porque há possibilidade de usar os cenários originais com novos personagens que interagem com os já existentes. O autor da fic é quem manda! Estende a participação de coadjuvantes que não têm tanto espaço/profundidade na história original, modifica o enredo, a estrutura e até mesmo a linguagem.

Por esse motivo, a classificação das fanfics é bem mais complexa. O que eu mais costumo analisar antes de ler uma fic é o tamanho. Adoro histórias com muitos capítulos, e de preferência, extensos! (Sim, eu não sou leitora addicted só de livros, mas de fanfics também. E sendo mais específica ainda, de Harry Potter. <3)

Então aqui vai uma explicaçãozinha de como o tamanho das fics são classificadas:

 

  1. Drabble: Fanfic escrita com apenas 100 palavras.
  2. Double Drabble: É uma fanfic com, no máximo, 200 palavras.

III. Oneshot: Fanfic que contém somente um capítulo (one-shot: um-tiro – por ser uma leitura rápida).

  1. Shortfics: Fanfics breves, escritas em poucos capítulos.
  2. Longfic/Saga: Fanfics longas, escritas em muitos capítulos.

 

Se você ficou interessado nesse mundo que eu tanto amo, seguem algumas dicas de sites!

Floreios e Borrões: Simplesmente AMO esse site. Pra quem curte Harry Potter como eu, esse é um dos melhores. Sou leitora desde 2004. 😡

Para quem tem interesse em outras histórias como Crepúsculo, Vampire Diaries, Animes, Bandas, Filmes e Séries, os mais conhecidos são Nyah, Spirit e Fanfiction.net (esse último você pode escolher o idioma). Apesar de não frequentar, muitas das minhas amigas acessam e super indicam!

Parece estranho, eu sei! Mas uma vez que você entra nesse universo, fica difícil de sair, acredite em mim! E é muito fácil disso acontecer. Sabe por quê?

Porque assim como os livros, você vai:

– Rir

hahaha

– Chorar

cry

– Se revoltar

bitch

– Chocar

choquei

– E vai querer MAIS!

more

Fonte: Algumas informações foram retiradas do site Liga dos Betas

Translate »