Os melhores covers

Em 29.05.2015   Arquivado em Música

covers

Como eu já disse num outro post, sou fãzona de covers. Adoro gente que se joga, arrisca as fichas e às vezes acaba até “refazendo” a música, de tão diferente que fica da original. Confesso que muitas eu prefiro até o cover, pessoal. Ou nova versão, chamem do que vocês quiserem.

Então, pensei em trazer os covers mais super hiper mega ultra plus advanced que euzinha mais gosto!

Dá o play, Macaco! ~TV Cruj feelings~

 

Boyce Avenue feat. Bea Miller – We Can’t Stop (Miley Cyrus)

Bom, começamos a brincadeira da cadeira com o rei dos reis dos covers. Todo mundo que se preze conhece Boyce Avenue (né? Diz que sim!). O cara inova até dizer “para”, galere. E esse cover da música da Miley, em especial, eu amo barra sou.

 

Miley Cyrus – Jolene (Dolly Parton)

E falando da Miley Smiley… Que cover é esse, menina?! Não canso dessa música, não adianta, cara. Porque assim… Pode falar o que quiser da Miley, que ela é polêmica, e blablabla, mas é INEGÁVEL o talento dela. Que VOZ! Palmas, palmas, palmas!

 

Ed Sheeran – Dirrty (Christina Aguilera)

Ai. Sei que sou suspeita, sou mesmo. Porque sou completamente apaixonada por esse ruivo, e eu amo todos os covers que ele faz. Mas essa versão ficou incrível, gente. Eu adoro como o Ed muda o tom da voz dele várias vezes numa mesma música. Não sei qual o nome dessa técnica, mas sei que é MUITO difícil. Fora essa rouquidão (técnica: drive) que ele manja. E os backing vocals e o tecladinho foram muito a mais, wow, sério.

 

John Mayer – XO (Beyoncé)

Acho que já mencionei que eu amo essa versão no post das músicas que escuto para escrever, lembram? E você vai repetir, Nats?  VOU SIM, porque coisa boa a gente repete. Essa música NASCEU pro John. Fãs de Beyoncé que não me matem.

 

Alex Goot, Kurt Schneider & Chrissy Costanza – Counting Stars (OneRepublic)

Acho que foi a melhor parceria de cover EVER, que isso, novinha. O sintetizador deu outra cara pra música, sem dúvida. E não sei se vocês vão concordar comigo, mas em ALGUNS momentos da música, o Alex Goot lembra muito o Nick Jonas cantando! Sem contar a parte em que falo que ADORO duetos de casal, FA-LEI de novo.

 

Louisa Wendorff & Devin Dawson – Blank Space/Style (Taylor Swift)

Simplesmente nunca vi um mashup tão bem feito como esse, de verdade. Louisa juntou duas músicas ótimas da Tay e ainda contou com a participação de outro fera da parada: Devin!

Tem que ser muito ninja pra conseguir tocar num ritmo para que duas músicas tão diferentes entrem em harmonia! E mais ninja ainda pra conseguir cantar uma letra diferente do seu parceiro sem se enrolar!

 

Chester See Feat. Tiffany Alvord – The One That Got Away (Katy Perry)

Já que é pra falar de duetos de casal, OMFG… Eu até achei que esses dois namoravam de TÃO FOFOS! Já viu um ser que shippa dueto de casal? Não? Aqui tem um que vos fala. Adorei como eles dividiram as partes, e como a música parece ter sido feita assim, como se um falasse do outro. Cute!

 

Pentatonix e Lindsey Stirling – Radioactive (Imagine Dragons)

É uma regra OBRIGATÓRIA. Se falar de cover, DEVE-SE falar de Pentatonix. O grupo arrebenta no beat box, na improvisação com técnicas de coral e tudo o que tem direito. Aí eles vêm e fazem um vídeo com QUEM? A manjadora dos violinos, Lindsey. Resultado = arregaçaram.

 

Kurt Hugo Schneider ft. Macy Kate and Tyler Ward – Story of My Life (One Direction)

Conheci o Kurt meio que sem querer e me apaixonei logo de cara. Primeiro que ele traz uma maneira diferente e mais dinâmica de gravar os covers na questão de edição, mesmo. E não é apenas nesse vídeo. Achei um toque especial, não sei.

Aí ele vem e me coloca uma voz feminina pra cantar num dueto, gente. Nem amo duetos, né?

 

Sofia Karlberg – Crazy In Love (Beyoncé)

Primeiro que eu sempre fui DOENTE por essa música. Segundo que a versão que a própria Queen B fez para o filme “50 Shades of Grey” já tinha me conquistado (NÃO, eu não assisti esse filme!). Aí vem a Sofia, que é uma das melhores youtubers que eu conheço, e faz esse cover MA-RA-VI-LHO-SO. Não dá, gente. Assistam vocês mesmos, e entenderão do que eu tô falando.

 

Connie Talbot – The Climb (Miley Cyrus)

E por último, mas não menos incrível, a pequena Connie! Quem não se emocionou com essa coisa linda que arrancou lágrimas dos jurados do Britain’s Got Talent quando tinha apenas seis aninhos de idade? (Se você não sabe do que eu tô falando, faz a discreta e acessa esse vídeo fofo). Hoje a Connie tem 14 anos e mostra que o talento cresceu junto com ela. Achei esse cover bem fiel a música da Miley!

E aí? Fiz boa uma seleção? Posso ser um jurado do X Factor? #SQN

Conta qual foi o favorito de vocês! Ou melhor: sugeriram covers bem legais e eu faço uma parte 2, que tal, que tal? <3

 

Booyah!

Músicas para escrever

Em 01.04.2015   Arquivado em Inspiração, Música

 

músicasparaescrever

Ai, gente… Eu não sei vocês, mas música pra mim é TUDO. É o que me move, me traz sentimentos, me faz refletir, me faz imaginar, sonhar, voar alto!

As palavras e as músicas andam de mãozinhas dadas comigo sempre que coloco o meu cérebro e o meu coração pra funcionar e passar tudo para o papel. Eu, particularmente, não tenho um estilo favorito. Sou a eclética master e ouço tudo o que vocês puderem (ou não) imaginar.

Quer conhecer um pouquinho do que me inspira?

 

You’re Beautiful – James Blunt

Há quem odeie essa música que tocou 4891587 vezes, mas eu sou o tipo de pessoa que adora coisas repetidas! E “You’re Beautiful” ainda continua sendo uma das minhas favoritas, porque o Mr. Blunt me faz imaginar tudo o que ele descreve. Essa música já me inspirou para escrever uma crônica, inclusive! (O metrô e as suas pecualiaridades).

 

Autumn Leaves – Ed Sheeran

Sheeran is my king, definitely! E essa ainda é a música que se tornou um hino pra mim. Que me move, que me faz suspirar o tempo todo. Não é novidade que a voz dele me traz aquela paz no coração, mas “Autumn Leaves” em especial me inspira, me fascina, me aquece. Não é complicado. <3

 

Cartwheels – The Reindeer Section

Essa música tem uma letra muito triste, mas o ritmo dela me incendeia de uma forma que eu nem sei! Adoro ouví-la enquanto ando pela rua num dia cinza. Pra quem gosta de The O.C., essa música fazia parte da trilha sonora da série! Super recomendo!

 

Falling Slowly – Glen Hansard & Marketa Irglova

Ai, gente, essa música é muito *——-*. Faz parte do filme irlandês “Once”. Saudade saudade! Só o trailer do filme me faz voltar pra Dublin e dá um apertãozinho no coração! Ela é CHEIA de emoção e me mata muito!

 

Hey There Delilah – Plain White T’s

Back to 00’s! Não importa quanto tempo passe, essa ainda é muito minha música (My Precious!). Volto aos meus 15 anos facilmente e sou capaz de sentir tudo o que eu sentia naquela época, juro! E isso me ajuda muito no momento de escrever. Me faz ser nostálgica. <3

 

XO – John Mayer

A diva Beyoncé que me perdoe, mas essa música com o John é muito amor. A letra se encaixou perfeitamente na voz dele, gente, não dá! Quantos textos eu já não escrevi ouvindo esse Ser cantando ESSA música? Socorro.

 

Somewhere Only We Know – Keane

Derrubando todos os forninhos com essa música, né. Ela é uma declaração explícita de alguém que está repensando a vida, e acho que todos nós passamos por isso em algum momento da nossa vida. Apenas. Será que não inspira, será?

 

Que música te inspira? Comenta aí, meu bem!

Translate »