Apenas diga “sim”

Em 29.09.2015   Arquivado em Crônicas

ApenasDiga

Your Song – Ellie Goulding

Sempre disse que não tinha medo de nada. E eu parecia mesmo ser dura na queda, mas não se engane. O enfeite da estante também parece ser intocável. Até que alguém o derrube e o deixe em pedaços.

Por muito tempo consegui manter essa pose de que nada nem ninguém fosse capaz de me atingir. O problema é que tenho essa mania de controlar tudo, sabe? Muitas vezes brigo comigo mesma sobre como quero me sentir, em vez de simplesmente observar como estou me sentindo.

E então você apareceu, como uma bomba que explode e leva tudo o está por perto aos ares. Fui para as nuvens e não consegui mais descer. Acho que acabei gostando mais da vista daqui de cima.

Percebi que já não queria mais ser sozinha como eu costumava ser – e gostava de sê-lo. – Fica difícil você não querer amar quando já o faz. É como uma droga quando se mistura com o sangue. Vira uma coisa só.

Talvez tenha sido o jeito com que você chegou em mim, imponente, como se já soubesse que eu me renderia. Eu, que sempre fui difícil de me surpreender, já estava com um sorriso bobo nos lábios. Eu, que sempre dizia não, agora estava dizendo sim.

E continuo a dizer “sim” cada dia que você faz alguma coisa que realmente me irrita e me faz não querer olhar na sua cara nunca mais; e aí você aparece na porta da minha casa com um buquê de flores e aquela cara de cachorro abandonado pedindo perdão. E eu simplesmente esqueço o motivo pelo qual eu estava brava.

Continuo dizendo o mesmo “sim” quando digo que entre um casal sempre há um que ama mais. Aí você diz que não tem ninguém que ame mais do que você, assim, sem medidas. E então você abre os braços de uma maneira esquisita. Eu pergunto: “Quer abraçar o mundo?”. Você me abraça forte e responde: “Já estou abraçando. Você é o meu mundo.”

Como ser dura na queda se já estou caindo de amores desse jeito? Como dizer “não” quando tudo é tão “sim”?

Sim, eu te amo. E sim, eu quero que fique.

Você fica?

  • Allie Próvier

    Em 29.09.2015

    "E então você apareceu, como uma bomba que explode e leva tudo o está por perto aos ares. Fui para as nuvens e não consegui mais descer. Acho que acabei gostando mais da vista daqui de cima."
    Dá vontade de sair separando várias frases dos seus textos pra sair colando na parede do quarto, sério. <3
    E com esse cover da Ellie no fundo eu fiquei desfalecida. <3

  • Rebeca Stiago

    Em 29.09.2015

    oinnn! que texto amor! Ta toda xonadiiinha que eu sei! HAHAHAHA Viiiu, tambem sou dessas de controlar tudo. Mas as coisas do coracao a gente nao controla nao.. (e nem podemos controlar haha). Parabens pelo post. Beijinhos
    http://www.verdadeescrita.com/por-ai-ainda-existe

Translate »